História

Mikao Usui nasceu no Japão, em 15 de agosto de 1865, numa pequena vila designada Taniai, Distrito de Yamagata.

Cresceu e tornou-se Padre Católico, professor e Reitor de uma pequena Universidade Cristã em Kioto- A Doshisha University.

Certa vez foi questionado por seus alunos sobre o método de cura usado por Jesus e Buda e como não conseguiu responder resolveu iniciar sua pesquisa, que durou em torno de 10 anos, aprendendo assim sobre a tal energia que ele chamou de Reiki.

Tendo estudado com missionários americanos, e sendo os Estados Unidos um país com predominância cristã, viajou para esse país em 1898 e iniciou seus estudos na Universidade de Chicago, no Seminário Teológico. Após sete anos, doutorou-se em Teologia, tornando-se também um grande conhecedor de línguas antigas, incluindo o Sânscrito.

Mas, não tendo encontrado as respostas a seu questionamento, viajou novamente para procurá-las em outras terras. Tendo conhecimento que Sidarta Gautama – O BUDA ( 620 – 543 AC ) também havia sido conhecido por suas curas, retornou ao Japão para pesquisar nessa via. Uma vez no Japão, embora o Centro do Budismo ficasse em Nara, Mikao foi para Kioto onde havia cerca de 880 templos e mosteiros. Dentre esses, um Templo ZEN que tinha a maior biblioteca do Japão, onde foi pesquisar nos Sutras ( Registros Antigos ) sobre as curas de BUDA.

Então, novamente durante sete anos pesquisou os Sutras de Monastério em Monastério. Nessa época, sempre que perguntava aos Abades Budistas sobre as técnicas que BUDA empregava em suas curas, recebia como resposta o fato de que estavam muito ocupados com o Espírito e sua Cura para se preocuparem com o corpo.

Após percorrer muitos caminhos, num Mosteiro Zen, conheceu um Abade que concordou ser possível curar o corpo como Buda havia feito, pois se já uma vez teria sido possível, poderia ser repetido. Então, a técnica poderia ser redescoberta.

Assim, Mikao Usui viajou para o Tibete a fim de continuar suas pesquisas. Na Índia, teve acesso aos símbolos sagrados num antigo manuscrito.

Esses símbolos, com mais de 2500 anos potencializavam uma energia poderosíssima com um ilimitado poder de cura, transformação e realização.  Mas, não tinha o devido conhecimento para sua ativação e não lhe dava a habilidade de curar.

Retornou ao Japão de posse dos símbolos e em 1908 decidiu se empenhar para colocar em prática a fórmula descoberta e viaja ao Monte Kurama, onde se recolheu em jejum por 21 dias.

Se dirigiu à montanha sagrada levando apenas os SUTRAS com os símbolos sagrados, um cantil de pele de cabra com água e 21 pedras para medir o tempo. A cada dia, lançava uma. Durante a passagem dos dias, Mikao ouvindo o som das águas, cercado de árvores meditava e pedia ao Criador que lhe ensinasse como usar os símbolos.

Essas práticas no dia-a-dia ampliaram sua consciência e no 210 dia, de madrugada, viu uma luz branca fortíssima e também observou que havia sido lançado fora do corpo. Sentindo a comunicação com o EU superior, teve sua consciência totalmente aberta, luzes espocaram em forma de bolhas em sua mente trazendo em seu interior os símbolos sagrados. Então, durante esse processo aprendeu como usar os símbolos e seu significado.

Ao descer do Monte Kurama, Mikao Usui tinha conseguido decodificar, reestruturar e resgatar o método milenar de terapia Reiki.

Usui passou a ensinar o Reiki pelo Japão e, pouco antes de seu falecimento, por volta de 1926, passou o mestrado a 16 pessoas, iniciando-as e passou a um deles, o Oficial da Marinha, aposentado e Doutor em Medicina, Chujiro Hayashi, a responsabilidade pela continuidade do método. O Dr. Hayashi passou então a ser o 2º GRAND REIKI MASTER e fundou a primeira clínica de REIKI em Tóquio nas proximidades do Palácio Imperial. Sua clínica dedicava-se a tratar e a formar novos terapeutas. Também sistematizou os níveis do REIKI e denominou essa técnica de USUI REIKI. Em 1938, como militar que era, além de intuitivo, pressentiu a guerra que se aproximava e formou duas mestras, pois muitos homens morreriam: Sua esposa e a Sra. Hawaio Takata.

Hayashi deixou seu corpo em 10 de maio de 1941, indicando antes a Sra. Takata para continuar seu trabalho.

* Vale salientar que esta é a versão ocidentalizada, disseminada por  Hawayo Takata, uma americana de descendência japonesa, nascida no Havaí no ano de 1900. De acordo com os registros tudo o que ela colocou sobre o Reiki foi de uma forma que se tornassem aceitáveis os ensinamentos de Mikao Usui e o Reiki aos norte-americanos do pós 2º Guerra Mundial.

 
Anúncios